• Precisa de ajuda ?
    Entre em contato conosco pelo email contato@acervothai.com
Hot, Sobre Muaythai

Quando perder deixa de incomodar

Copie o link desta página: http://site.acervothai.com/hvxLD
Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.
Por Tiago Simão.

Em algum momento da vida você deve ter ouvido a frase: O importante é competir, filho(a).

Talvez em uma tentativa de aliviar a pressão da competição em cima de uma criança, que sim, é muito compreensivo. Porém a nível profissional, ou até mesmo quem busque chegar a isso, tal frase soa como ridícula.

Qualquer atleta de alto nível pode manter uma postura bacana a agradável nas redes sociais e mídia em geral, mas no intimido deve ser um crítico, muito duro de si mesmo. Nunca conheci um atleta bem sucedido acomodado, ninguém gosta de passar horas treinando, sentindo dor, cãibra, longe de vida social, mas alguém lhe disse que seria fácil? Pois é, paga-se o preço ou abandona-se o sonho.

Recentemente ouvi uma frase que concordo muito; há dois tipos de lutadores, aqueles que sobem ao ringue para vencer e aqueles que sobem para lutar. Consegue perceber a diferença?

A grande questão, não é perder, todos hora ou outra iremos perder, a questão é como perder. O famoso “vender caro” a derrota, sem culpar arbitragem, sem dizer que estava doente ou machucado, sem  acabar sempre ficando no vitimismo. Perdeu, aceite, mas não se conforme.

Anos atrás quando ainda competia, tive um treinador a qual sou muito grato por tudo, que durante uma competição, meu pé já estava muito inchado, ele apenas me disse: Lutar 100% qualquer zé ruela luta, lutar em condições bem ruins é o que faz um campeão. Voltei para casa com o pé que não entrava no tênis, com muita dor, porém feliz por ter vencido.

Esse texto, porém não é sobre mim, e sim sobre você, porque afinal você está lutando? Já parou para pensar nisso? Caso você esteja começando, me diga o porquê do começo, e caso você esteja há alguns anos, qual o motivo?

Pensando nesse assunto, gosto de observar a reação de lutadores(a) no Facebook/Instagram, alguns perdem e estão claramente incomodados, outros não. Esse comodismo causa de fato um efeito chamado “escada”, ele deixa de ser um lutador visto como um desafio e se torna uma escada, já que não serve mais como um desafio ao menos servirá como escada para alguém que ainda possui vontade para buscar algo melhor.

Quer pensar melhor sobre? Deixo aqui um vídeo que gosto de assistir de vez em quando.

Quem sou eu? Sou um campeão

 

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

Comentários

Comentários

Copie o link desta página: http://site.acervothai.com/hvxLD